VIGARISTAS, TRAPACEIROS & OUTROS 171 NAS TELAS DO CINEMA

Passar alguém para trás é moralmente censurável e, no popular 171 conforme reza nosso código criminal para indicar estelionato. O cinema constantemente justifica e glamouriza embusteiros e velhacos, especialistas na arte de “se dar bem” de alguma forma. Esta semana temos a estreia de dois filmes que exploram esse mote: “Golpe Duplo” (com Will Smith, Rodrigo Santoro e Margot Robbie) e “Mortdecai – A Arte da Trapaça” (com Johnny Depp). Relembremos abaixo um pouco de alguns títulos que já mostraram que as aparências enganam e para muitos isso é ofício.

A Trapaça

1- A TRAPAÇA (AMERICAN HUSTLE), 2014.Dir:David O. Russell. Baseado em fatos reais: Nos anos 70, um casal de trambiqueiros profissionais (Amy Adams &  Chistian Bale) usam charme e muita lábia para aplicar golpes milionários. Excelentes em seu ofício, eles são recrutados por um agente federal (Bradley Cooper) para expor crimes do colarinho branco que comprometem inclusive o prefeito de Camden, em Nova Jersey. A vigarice é aqui um meio de sobrevivência em um sistema de lobos e chacais se devorando. Política, economia, marginalidade são todos elementos conflitantes em que a moral do que é certo e errado muda de tom constantemente. Embora indicado para vários Oscars, não levou nenhuma estatueta. Mas, levou o Globo de Ouro, o SAG Awards e o BAFTA (Oscar Inglês)

prenda-me-se-for-capaz

2- PEGUE-ME SE FOR CAPAZ (CATCH ME IF I CAN), 2002. Dir: Steven Spielberg. Outro curioso caso saído da vida real foi a história de Frank Abagnale, que na década de 60, antes de completar 19 anos, se fazia passar por diversas profissões, de médico a piloto, ganhando rios de dinheiro com seus golpes. O filme consegue divertir de tal forma que nos torna cúmplices do personagem vivido por Leonardo diCaprio e faz do embuste uma descompromissada filosofia de vida.

fino da vigarice

3- O FINO DA VIGARICE (AFTER THE FOX), 1966. Dir: Vittorio DeSica. Peter Sellers (A Pantera Cor De Rosa, Dr.Fantástico) é um notório mestre da trapaça, alcunhado “O Raposa” que se passa por um renomado diretor de cinema, reunindo equipe e elenco, para roubar, discretamente, um grande carregamento de ouro que passa por uma pacata cidade italiana. Sellers brilha ao lado de sua então esposa Britt Ekland e dos canastrões Victor Mature e Lando Buzzanca. O humor irônico e a impagável presença de Sellers faz desse praticamente desconhecido filme uma pérola da comédia.

Dirty-Rotten-Scoundrels-ps02

4- OS SAFADOS (DIRTY, ROTTEN, SCOUNDRELS), 1988. Dir:Frank Oz. Outra comédia maravilhosa com Michael Caine e Steve Martin, profissionais do embuste que se especializam em tirar dinheiro de mulheres ricas, em uma cidade praiana francesa. O problema é que o estilo de cada um é o oposto do outro. Lawrence Jamieson (Caine) é sofisticado e Freddy Benson (Martin) um malandro sem modos. Ambos apostam que o primeiro a conseguir um milhão de Janet Colgate (Gleanne Hedley) , a rainha do sabonete, fica e o outro sai da paradisíaca cidade. Várias passagens são de morrer de tanto rir como Martin se passando por Ruprest, um jovem retardado. O filme, na verdade, é refilmagem de “Dois Farristas Irresistíveis” com Marlon Brando & David Niven. Melhor que o original, seu final consegue ser surpreendente, ficando difícil escolher qual dos dois velhacos é o mais carismático. Uma parceria de iguais entre Caine & Martin.

Golpe de mestre

5- GOLPE DE MESTRE (THE STING), 1973. Dir:George Roy Hill. Um dos melhores nessa temática é o Segundo filme estrelado por Paul Newman & Robert Redford. A onipresente trilha sonora usando os temas de piano de Scott Joplin conduz a narrativa sobre dois escroques que se unem para aplicar um golpe das arábias em um perigoso gangster (Robert Shaw), ludibriando bandidos e agentes da lei com um esquema perfeito de pura malícia e sagacidade, que também tem raiz em fatos reais. Foi merecidamente vitorioso no Oscar de 1974.

CERTAMENTE VOCÊS DEVEM SE LEMBRAR DE OUTROS FILMES DESSA TEMÁTICA. SE FOR O CASO DEIXEM NO ESPAÇO DO COMENTÁRIO A SUA SUGESTÃO QUE PROVE QUE SE O MUNDO É DOS MAIS ESPERTOS, O CINEMA SOUBE MUITO BEM EXPLORAR O FILÃO.