ESTREIAS DA SEMANA: 1º DE MARÇO DE 2018

OPERAÇÃO RED SPARROW

red sp

(Red Sparrow) EUA 2017. Dir: Francis Lawrence. Com Jennifer Lawrence, Joel Edgerton, Charlotte Rampling, Mary Louise Parker, Jeremy Irons. Thriller.

Na espionagem russa, “Pardal” é o codinome de um agente bem treinado na arte da sedução e da traição. Assim é preparada a ex-bailarina interpretada por Jennifer Lawrence, uma das atrizes mais quentes do momento, Enviada em uma missão ela se enolve com um agente da CIA (Edgerton) iniciando um joggo onde o sexo é só mais uma arma para descobrir segredos e desestabilizar o equilibrio de forças no globo. Dito assim, em, linhas gerais, SEM SPOILERS, passa ser apenas mais um entre tantos filmes do gênero, e realmente é. Se você se lembrar de “Atômica” ano passado (com Charlize Theron), o filme “Operação Red Sparrow” é bem diferente em sua linha narrativa, mais arrastado, com pouca ação e se desenrolando intencionalmente para confundir. Claro que ajuda o fato de ser o primeiro filme a trazer Jennifer Lawrence como esta veio ao mundo, e talvez assim desviar a atenção para certos detalhes de verossimilhança como o fato de que Dominika é enviada a uma missão de importância muito grande com pouco tempo de treinamento. Claro, que ainda pode ser atraente para os fãs de tramas mais lentas, sem o ritmo de super herois das hqs. O filne é adaptado do livro homônimo de Jason Mathhews, agente aposentado da CIA, sendo o primeiro de uma trilogia, que claro só irá para frente se este der bilheteria.

A MALDIÇÃO DA CASA WINCHESTER

win

(Winchester) EUA 2017. Dir: Michael Spierig & Peter Spierig, Com Helen Mirrenm Hason Clarke. Terror.

Baseado levemente em fatos reais por se tratar de uma casa mal-assombrada de verdade. Neste caso tida como uma das mais assustadoras, um verdadeiro labirinto com 160 quartos, herança da famílai que criou o rifle Winchester (Alguem lembra da letra de “Faroeste Caboclo? … ela trazia a Winschester 22 …), e por isso é amaldiçoada pelos fantasmas das vítimas da referida arma. Helen Mirren, em seu primeiro filme do gênero, vive Sarah a herdeira dos Winchester que recebe a visita de um psiquiatra cético (Clarke), que aos poucos vai ter suas convicções postas à prova, A verdadeira casa é aberta à visitação do público e fica em São Jose, na California.