ESTREIAS NO CINEMA: 17 DE JANEIRO

VIDRO

vidro

(Glass) EUA 2019. Dir:M.Night Shymalan. Com James McAvoy, Samuel L.Jackson, Bruce Willis, Sarah Poulson, Anya-Taylor Joy. Ação/Suspense.

Quando assisti “Corpo Fechado” (Infeliz tradução para o original “Unbreakable”, algo como “Indestrutível”) não imaginei que a criativa história do indiano M.Night Shymalan poderia ter algum desdobramento. Então veio o excelente “Fragmentado” e eis que no encerramento surge David Dunn (Willis) apontando a ligação entre os filmes e anunciando o atual “Vidro”. Depois de vários fracassos seguidos (O Último Mestre do Ar, Fim dos Tempos, Depois da Terra), Shymalan retomou sua carreira mostrando que ainda era um bom contador de histórias e mostrando vigor para tratar de uma trama intricada embebida do velho embate do bem contra o mal típica de uma boa história em quadrinho. Depois dos eventos de “Fragmentado”, Kevin (McAvoy) vai parar em um sanatório onde encontra David Dunn (Willis) e Elijah, o Mr.Glass (Jackson), este último fazendo planos e manipulando tudo e todods com propósitos misteriosos. O filme está cheio de referências ao universo das histórias em quadrinhos e nas cenas que mostram lojas de quadrinhos observam-se várias hqs Marvel, além do fato de Samuel L.Jackson ser o Nick Fury e McAvoy ser o Professor Xavier. De qualquer forma, aconselho que se reassista “Corpo Fechado”, e depois “Fragmentado”, antes de se mergulhar no universo compartilhado de “Vidro”, até mesmo antes de julgar o trabalho de Shymalan que já foi chamado de sucessor de Hithcock, e com quem divide o hábito de aparecer em pontas nos filmes que dirige (atentem aqui para o guarda de segurança, e lá está ele). Foram 19 anos entre o primeiro filme e este, um projeto que quase teve Joaquin Phoenix no papel de Kevin Crumb na época em que Shymalan terminara “A Vila”. Bem vindo de volta Shymalan !

COMO TREINAR SEU DRAGÃO 3

como-treinar-6

(How to Train Your Dragon :  The Hidden World) EUA 2019.  Dir:Dean Dubois. Com Jay Baruchel, America Ferrera, Gerard Butler, Cate Blanchet, Kit Harrington, Jonah Hill, F.Murray Abraham. Animação.

É impressionante o nível de excelência dessa trilogia, adaptada dos livros de Cressida Cowell. Muito aguardado depois dos eventos do segundo filme em que Soluço (Baruchel) teve que assumir a liderança dos Vikings, o filme atual é o capítulo final na jornada do herói, no processo de amadurecimento da dupla Soluço e Banguella, que aqui encontra uma namorada, uma Fúria da Luz enquanto um novo vilão ameaça a utopia homens e dragões instaurada por Soluço. O filme quase foi lançado ano passado, mas o estúdio Dreamworks encerrou sua parceria de distribuição com a Fox e passou para a Universal.  Preparem os lenços e as lágrimas pois apesar do humor e da ação, o filme finaliza o rito de passagem para essa dupla que conquistou o coração de todos, tendo por isso sido eleito a segunda animação mais aguardada para 2019, perdendo o primeiro lugar somente para “Toy Story 4”.

AMIGOS PARA SEMPRE

amigos-para-sempre.jpg

(The Upside) EUA 2019. Dir:Neil Burger. Com Kevin Hart, Bryan Cranston, Juliana Margulies, Nicole Kidman. Drama.

Refilmagem americana do excelente filme francês “Intocáveis” (2011) com Bryan Cranston e Kevin Hart vivendo os papeis que foram de François Cluzet e Omar Sy. Dos mesmos produtores de “À Procura da Felicidade”, o filme de Neil Burger compartilha do mesmo otimismo frente a adversidades que unem pessoas de origens diferentes em torno das quais surge a amizade sincera. Inevitável comparação, a atual versão investe tempo em mostrar o lado dramático de Kevin Hart, mais contido aqui. De forma a impulsionar seu personagem o roteiro guarda algumas diferenças em relação ao Driss de Omar Sy. A história do milionário tetraplégico e de seu leal cuidador é baseado em fatos reais. Philip Pozzo e Abdell Sellou, os verdadeiros protagonistas dessa bela história, já serviram de material até para um documentário francês em 2003. A personagem de Yvonne, que no original foi vivido por Anne Le Ny, também funciona na trama de forma mais dinâmica na pele de Nicole Kidman que conseguiu um feito e tanto quando teve dois de seus filmes tornando-se grandes sucessos de bilheteria simultâneos (“Aquaman” e “Amigos Para Sempre”).